Garoto de 17 anos é apontado como reencarnação do espírito de Emmanuel.

emmanuel rosto

 

O ‘ESCOLHIDO’

 

Novo iluminado para o espiritismo

Divulgação

Guia de Chico Xavier reencarna em menino de São Paulo

Um menino de dezessete anos é o iluminado. Ele poderá se tornar uma referência para quase 30 milhões de simpatizantes da doutrina espírita no Brasil. Pouco se sabe sobre ele. Nem mesmo o nome. Conta-se que mora com os pais no interior de São Paulo e será um professor que difundirá o espiritismo. Na tarefa, contará com auxílio importante. O seu mentor seria o espírito de Chico Xavier. O garoto é apontado como a reencarnação de Emmanuel, mentor na maior parte dos 92 anos do médium mineiro. A missão para os dois vai além da vida e da morte. Nas comemorações pelo centenário de Chico, a história do menino é o maior enigma. Há muita curiosidade sobre onde está o jovem e do que é capaz.

 

Profecia de André Luis

sobre a Política do Brasil

No ano de 1952, Chico Xavier psicografou uma mensagem de André Luis, sobre o futuro político próximo do Brasil. E chama à atenção a incrível precisão matemática em que tais predições foram se cumprindo. Era como se Chico Xavier psicografasse um acontecimento na vida política brasileira e ele dissesse: “Me chamou? Eis-me aqui!”
Se cada uma de suas predições teve ao seu tempo o seu cumprimento, não resta menor dúvida que aquela que é o epílogo e encerra com fecho, de ouro, toda a mensagem enviada por “André Luis” também terá o seu. De modo que com certeza iremos presenciar entrando na cena político-espiritual brasileira alguém empunhando a poderosa espada de dois gumes, que é a Palavra de Deus. Sim, alguém tornando crível a mensagem do Evangelho.

Eis a mensagem psicografada

por Francisco Cândido Xavier:

“Mensagem de Natal de André Luis, na psicografia de Francisco Cândido Xavier, no Centro Espírita ´Jesus de Nazareno` em Congonhas, Minas Gerais, no dia 23 de dezembro do ano de 1952.
“O mundo caminha para grandes conquistas e também para grandes catástrofes. O engenho de Guerra que assombrou o mundo com a destruição moral e material de Hiroshima e Nagasaki será a causa de desentendimento no mundo inteiro.
“No Brasil, um líder operário terá morte violenta, pois as forças espirituais que vivem no Cosmos pedem ao Supremo Criador justiça por tudo que foi feito de bárbaro em nome do Supremo Criador e da Pátria.
Com o desaparecimento deste, o Brasil vai passar por momentos difíceis. Diversos movimentos armados vão abalar a estrutura nacional. No meio a isto virá um homem da terra do Mártir Tiradentes e, apesar das pressões, muito fará pelo Brasil, inclusive que será o criador de uma cidade Jardim, tal qual o Éden, diferente de todas as cidades.   Mas será substituído por outro que muita confusão irá criar e, na sua saída injustificada, vai deixar a nação abalada; e deste abalo vai começar o período crítico, até que o homem de patriotismo, vindo também da terra de Tiradentes, irá cercar-se de outros e vão derrubar a viga mestra da confusão. E então muita coisa nova vai acontecer.
“Homens, mulheres e crianças vão sofrer consequências justas e injustas, provocadas por erros anteriores. O regime será combatido e até abalado, mas muitas nações passarão a dar crédito e respeito ao Brasil.
“Com a mudança dos homens, muitos dos que foram o esteio da situação serão chamados a prestar contas a Deus. Então o Sol, as enchentes e o frio vão criar fome e desespero, não só no Brasil, mas também no mundo.
“Mas, no fim de tudo, vai aparecer um homem franco, sincero e leal que, montado em seu cavalo branco e com sua poderosa espada, dará uma nova dimensão e personalidade nos destinos do Brasil, corrigindo injustiças e fazendo voltar a confiança e esperança no futuro do Brasil.
“Será combatido e criticado por seu temperamento e atitudes, mas ele contará com a proteção das Forças Supremas que habitam o Cosmos, e o Brasil será verdadeiramente o coração do mundo e, apesar de crises e ameaças, internas e externas, que irão aparecer, ele será sempre o fiel da balança pela sua fé e a esperança no destino do Brasil a ele confiado.”

 

André Luis.

10394592

 

Amigo de Chico, Divaldinho Mattos conta que o médium – morto aos 92 anos, chegou a conhecer o bebê em 2000 ou 2001. “Chico visitou a família, numa cidade do interior paulista. Os pais são de boa condição financeira”, diz ele, diretor do Centro Espírita Maria de Nazaré. O médium, porém, manteve segredo sobre as vidas anteriores do garoto. Ninguém mais teria tido acesso ao jovem. “Não se pode saber quem é o menino. A família não teria sossego”, defende Wanda Joviano, colega de Chico.Para Divaldinho, nem Emmanuel terá consciência de seu passado. “Daqui a alguns anos, quando despertar na área da Educação, ele terá uma vidência.

emmanuel jornal

O mundo espiritual tem de resguardá-lo”, observa. O escritor Geraldo Lemos Neto, 48, conversou com o próprio médium sobre o assunto. “Chico dizia que ele teria grande capacidade sensitiva. “Muita gente vai dizer que ele é Emmanuel. Mas ninguém terá certeza”, afirma Divaldinho.

 

Muitos apostam que o menino já tenha começado a manifestar dons espirituais. Outros acreditam que ainda é muito cedo. Chico começou aos 17 anos. Portanto, teremos que esperar mais uns 5 ou 7 anos para conhecer o dom deste menino, acreditam os estudiosos.

 

Chico Xavier não voltará a terra.

brasil

 

A maioria dos amigos não acredita que o médium volte a reencarnar para fazer companhia a Emmanuel.

“Chico afirmou que a tarefa dele no século 21 será a de guiar o Emmanuel reencarnado para as tarefas da difusão dos ensinamentos de Jesus sob a ótica da doutrina espírita”, explica Geraldo Lemos Neto.

No entanto, os dois já teriam estado juntos na Terra. Segundo os mais próximos, Chico e Emmanuel foram, respectivamente, os padres jesuítas José de Anchieta e Manuel da Nóbrega no Brasil colonial.

Para outros adeptos, Chico teria sido Flávia, a filha doente do senador romano Publio Lentulus, a mais conhecida encarnação atribuída a Emmanuel. Pai e filha teriam morrido na erupção do Vesúvio, em 79. No livro “Deus conosco”, Chico descreve as 12 reencarnações de Emmanuel. A última como padre paraense morto no início do século passado no Rio.

 

emmanueljornal1

 

 

“Nosso Emmanuel, gente, ele vai voltar, só está esperando eu partir”, disse o biógrafo de Chico Xavier, Elias Barbosa, numa entrevista ao programa Fantástico, da Rede Globo de Televisão, referente às supostas profecias do anti-médium mineiro, que também havia reafirmado isso em entrevista a Hebe Camargo, na TV Gazeta de São Paulo, em 1973:

“Isso (reencarnação de Emmanuel) tem sido objeto de conversação entre ele e nós (Chico se refere a si mesmo na primeira pessoa do plural), e ele costuma dizer que nos espera no mundo do além para em seguida retomar a vida física. E ele até costuma me dizer: ‘Quando eu estiver na vida física, e vocês estiverem fora do corpo físico, vocês vão ver como é difícil entrarmos em comunicação com vocês e como é difícil orientar vocês para o bem'”.

 

obra emmanuel

emmanuel

Sou um simples pregador de cartazes convidado à Festa do Reino.

/Emmanuel

`•.¸.•Curta e Partilhe↓