SEMEIA, SEMEIA

semear

SEMEIA, SEMEIA…

 

“A alma humana é como um celeiro abençoado.
Quando abastecida de ensinos superiores,
transforma-se em manancial de luz,
saciando a fome de consolação da humanidade sofredora.
Vazia, porém, fica sujeita à poeira da inércia
e ao mofo do desânimo.
Se já reúnes as sementes do Evangelho em tua alma,
não as guardes só para ti.
Vai ao mundo e semeia, semeia…
Ainda que a ventania da indiferença as disperse
pelo espaço, semeia, semeia…
Mesmo que a erosão do egoísmo as arraste
para longe semeia, semeia…
Ainda que o solo estéril do desamor as impeça
de se desenvolverem, semeia, semeia…
Onde quer que estejas e com quem estejas,
semeia, semeia…
Não exijas, porém, em tempo algum, a colheita farta
e rápida porque, se cada espécie vegetal no mundo
obedece ao ciclo próprio de desenvolvimento,
cada alma humana também tem o tempo certo
para despertar e sublimar-se.”
Sheilla

cachoeira

O Perfume do Bem

 

*
Quem desconhece o serviço útil, aquele que inclui os semelhantes, não é tocado pelo prazer de viver, e quem impede outros de conhecê-lo, está sendo conduzido pelo orgulho e pelo egoísmo.
O Evangelho Segundo o Espiritismo já nos informa que são os dois monstros devoradores da lavoura da felicidade de todos os povos e que os seus extratos são insuportáveis, porque gera a discórdia e alimentam todos os adversários das virtudes evangélicas.
Devemos comungar em esforços no combate ao mal, mas não investindo contra ele e sim, fazendo o bem.
E esse bem somente tem valor quando começa dentro de nós, atingindo a nossa família, no alcance das nossas obrigações com o endereço certo para toda a Humanidade.
Analisemos, meus irmãos, a nós próprios,mas de modo também a ouvir os outros sobre os nossos defeitos.
Temos muitas distrações no que toca ao mal que alimentamos.
Quando enxergamos os defeitos dos outros, eles se encontram em menor evidência do que os nossos.
Não obstante, para conhecer e sentir essa verdade, gastamos muito tempo.
Os nossos olhos só registram o mal dos nossos companheiros e esse é o maior erro que carregamos nos escaninhos da consciência.
Meu filho, comecemos hoje a disciplinar nossos impulsos inferiores, que se encontram, por vezes, escondidos nas dobras do desculpismo e da vaidade.
Não deixemos que nos sobre tempo para ver ou para inventar as faltas dos nossos companheiros.
Vamos nos dar as mãos, todos, desde que nossos irmãos queiram trabalhar conosco na seara do Mestre.
Busquemos coragem onde ela se encontre, mas coragem divina, da forma ensinada por Jesus, aquela que permanece na caridade, na luz e mesmo nas trevas, na saúde e na dor,
na alegria e nas lágrimas.
Somente a caridade ensinada por Jesus nos salva a todos nós dos embates com as trevas.
Faça sol ou chuva, vamos com o Cristo, esquecendo-nos das portas largas da perdição e comungando com a fraternidade que esparge claridades por toda a criação.
Quase todos, quando apreciamos um perfume, buscamo-lo onde ele estiver.
Todavia, nos esquecemos, quase sempre,
do perfume mais importante,
que é o cultivo da caridade, e a vivência do amor.
É flagrância exalada pela Divindade,
que mora igualmente em nós.
Todos os dias nos chegam convites de Deus.
Basta que compreendamos esses chamados para que semeemos a nossa própria libertação, pelos processos das virtudes, de o modo que eles voltem a nós, onde estivermos, em forma de alimentos de luz, no sustento da flor devida que somos nós.
Pelo espírito de Scheilla – João Nunes Maia em Flor de Vida.

 

UM FELIZ E ABENÇOADO

FINAL DE SEMANA A TODOS!

linda rosa vermelha

O dia de hoje

 

Certo dia, um professor estava aplicando uma prova e os alunos, em silêncio, tentavam responder às perguntas com uma certa ansiedade.
Faltavam uns 15 minutos para o encerramento e um jovem levantou o braço e disse:
Professor, pode me dar uma folha em branco?
O professor levou a folha até sua carteira e perguntou-lhe porque queria mais uma folha em branco e o aluno falou:
Eu tentei responder as questões, rabisquei tudo, fiz uma confusão danada e queria começar outra vez.
Apesar do pouco tempo que faltava, o professor confiou no rapaz, deu-lhe a folha em branco e ficou torcendo por ele.
A atitude do aluno causou simpatia ao professor que, tempos depois, ainda se lembrava daquele episódio simples mas significativo.
Assim como aquele aluno, nós também recebemos de Deus, a cada dia, uma nova folha em branco. E muitos de nós só temos feito rabiscos, confusões, tentativas frustradas e uma confusão danada…
Outros apenas amassam essa nova página e a arremessam na lixeira, preferindo a ociosidade, gastando o tempo na inutilidade.
Talvez hoje fosse um bom momento para começar a escrever, nessa nova página em branco, uma história diferente, visando um resultado mais feliz.
Assim como tirar uma boa nota depende da atenção e do esforço do aluno, uma vida boa também depende da atenção e da dedicação de cada um.
Não importa qual seja sua idade, sua condição financeira, sua religião… Tome essa página em branco e passe sua vida a limpo.
Escreva, hoje, um novo capítulo, com letras bem definidas e sem rasuras. E o principal: que todos possam ler e encontrar lições nobres.
Não se preocupe em tirar nota dez, ser o primeiro em tudo, preocupe-se apenas em fazer o melhor que puder.
Pense que mesmo não tendo pedido, Deus lhe ofereceu uma outra folha em branco, que é o dia de hoje.
Por isso, não se permita rabiscar ou escrever bobagens nesta nova página, nem desperdiçá-la.
Aproveite essa nova chance e escreva um capítulo feliz na sua história.
Use as tintas com lucidez e coragem, com discernimento e boa vontade. Não poupe as palavras: dignidade, amizade, fraternidade, esperança e fé.
Assim, ao terminar de escrever esse novo capítulo da sua vida, você não verá rasuras nem terá que reescrevê-lo, em tempo algum, porque foi escrito com nobreza e sabedoria.
* * *
Aproveite este dia e ame com todas as forças do seu coração, sem restrições, sem ver defeitos ou tristezas.
Conjugar o verbo amar é escrever uma história feliz.
Não espere que a melhoria, a prosperidade e o bem-estar caiam do céu milagrosamente, sem fazer força.
Tudo tem o preço da conquista, da busca, da participação, do esforço.
São muito potentes os talentos que você dispõe, ainda não explorados pelo seu pensar e sentir e muitas são as suas possibilidades de crescer e conquistar o que mais quer ou precisa, chegando à felicidade.
Basta que não amasse nem rabisque de forma inconsequente essa página em branco, chamada hoje.

 

Pense nisso!

Redação do Momento Espírita com base em texto de autoria ignorada.
Disponível no livro Momento Espírita, v. 4, ed. Fep. Em 15.08.2011.


Instante Divino

 

Não deixes passar, desapercebido, o teu divino instante de ajudar.
Surge, várias vezes nos sessenta minutos de cada hora, concitando-te ao enriquecimento de ti mesmo.
Repara, vigilante.
Aqui, é o amigo que espera por uma frase de consolo. Ali, é alguém que te roga insignificante favor.
Além, é um companheiro exausto no terreno árido das provas, na expectativa de um gesto de solidariedade.
Acolá, é um coração dorido que te pede algumas páginas de esperança. Mais além, é um velhinho que sofre e a quem um simples sorriso teu pode reanimar.
Agora, é um livro edificante que podes emprestar ao irmão de luta. Depois, é o auxílio eficiente com que será possível o socorro ao próximo necessitado.
Não te faças desatento.
Não longe de tua mesa, há quem suspire por um caldo reconfortante. E, enquanto te cobres, feliz, há quem padeça frio e nudez, em aflitiva expectação.
As horas voam.
Não te detenhas.
Num simples momento, é possível fazer muito.
Ao teu lado, a multidão das necessidades alheias espera por teu braço, por tua palavra, por tua compreensão…
Vale-te, pois, do instante que foge e semeia bênçãos para que o mundo não se empobreça de miséria e, em se fazendo hoje mais rico de amor, possa fazer-te, amanhã, mais rico de luz.

 

Pelo Espírito José de Castro
XAVIER, Francisco Cândido. Relicário de Luz. Espíritos Diversos. FEB.

amando final de semana

anjo final de semana

Comentários

Os comentários realizados nesse site não são armazenados em nosso banco de dados e podem ser excluídos diretamente na página da postagem.
*Note que para excluir o comentário será necessário encontrá-lo, clicar na caixa ao lado em seguida no botão excluir... Observando que só será possível excluir o comentário se o usuário estiver logado na mesma conta utilizada na hora que efetuou o comentário.

Política de Privacidade

Qualquer dúvida visite nossa Política de Privacidade: http://www.verdadeluz.com.br/politica-de-privacidade/