Confia Sempre em Deus.!

Confia Sempre em Deus
feliz

Confia em Deus

“E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não houvermos desfalecido.” – PAULO. (Gálatas, 6:9)

 

Confia em Deus

 

Aceita no dever de cada dia a vontade do Senhor para as horas de hoje.
Não fujas da simplicidade.
Conserva a mente interessada no trabalho
edificante.
Detém-te no “lado bom” das pessoas, das situações e das coisas.
Guarda o coração sem ressentimento.
Cria esperança e otimismo onde estiveres.
Reflete nas necessidades alheias, buscando suprimi-las ou atenuá-las.
Faze todo o bem que puderes, em favor dos outros, sem pedir remuneração.
Auxilia muito.
Espera pouco.
Serve sempre.
Espalha a felicidade no caminho alheio, quanto seja possível.
Experimentemos semelhantes conceitos na vida prática
e adquiriremos a luminosa ciência de ser feliz.

 

Emmanuel – Francisco Cândido Xavier


BEM SOFRER

 

Aprendendo a sofrer, mentaliza a Cruz do Mestre e reflete.
Ele era Senhor e fez-se escravo.
Era Grande e fez-se pequenino.

Era a Luz e não desdenhou a imersão nas sombras.
Era o Amor e suportou o assédio do ódio.
Quem o contemplasse do pó de Jerusalém, no dia da grande
flagelação, decerto identificá-lo-ia à conta de um delinquente
em extrema penúria.

As pregações dele haviam encontrado a sufocação do
Sinédrio, sua doutrina categorizava-se por abominável
heresia, seus sonhos de confraternização pareciam
aniquilados, seus beneficiários e companheiros vagueavam
desiludidos e, por único testemunho de reconforto entre as
chagas da morte, não encontrava senão a piedade e o
entendimento de um ladrão comum…

Mas que fixasse com Cristo a multidão, do alto da cruz,
reconhecer-lhe-ia a condição de herói vitorioso, porque para
o seu olhar a turba fanática não passava de vasto rebanho de
irmãos necessitados de auxilio.

Ele viu naqueles que o cercavam, a ilusão da ignorância e
percebeu todas as falhas dos perseguidores à maneira de
moléstias do espírito, sob a mascara de dominação e falso
triunfo…

E sentiu apenas a grande compaixão que lhe nasceu do
espírito com a paz inalterável.
Se nos propomos a bem sofrer, procuremos anotar do cimo
de nossa cruz aqueles que jornadeiam conosco, carregando
madeiros mais pesados que os nossos, acendendo a
fraternidade no próprio coração, afim de que não estejamos
órfãos de entendimento.

Compadece-te e auxilia a todos para o bem.
Compadece-te daquele que se acha no oásis do lar,
entronizando o egoísmo e compadece-te daqueles que por
não possuí-lo se comprazem na revolta!… Compadece-te dos
fortes que oprimem os fracos e dos fracos que hostilizam os
fortes!…

Usa o tesouro que o Mestre te confiou por bênçãos de
bondade, ao longo do caminho, e serás amparado por aquele
a quem ampara, tanto quanto serás curado pelo doente a
quem socorres.

Do madeiro de sacrifício, Jesus nos ensina a buscaras bem-aventuranças…
Para bem sofrer, é preciso saber amar e, amando qual o
Cristo nos ama, encontraremos na Terra ou no Mais Além a
luz interior que nos reunirá para sempre à perenidade da
Vida Triunfante.

 

Alem da Alma (psicografia Chico Xavier – espirito Emmanuel)


Comentários

Os comentários realizados nesse site não são armazenados em nosso banco de dados e podem ser excluídos diretamente na página da postagem.
*Note que para excluir o comentário será necessário encontrá-lo, clicar na caixa ao lado em seguida no botão excluir... Observando que só será possível excluir o comentário se o usuário estiver logado na mesma conta utilizada na hora que efetuou o comentário.

Política de Privacidade

Qualquer dúvida visite nossa Política de Privacidade: http://www.verdadeluz.com.br/politica-de-privacidade/