amor

NÓS NÃO PODEMOS FAZER GRANDES COISAS NA TERRA – Madre Teresa

amor

grande amor

GRANDE AMOR

Nós não podemos fazer grandes coisas na terra,
só pequenas coisas com grande amor.

Madre Teresa

luz ou trevas

Sintonia e Vibração

 

Todos os seres e coisas da natureza estão interligados em sintonia vibração e energia do ambiente planetários, nada fica sem resposta, nenhum pensamento seja do mal ou do bem, têm a sua repercussão no todo global.

INFLUENCIAMOS UNS AOS OUTROS.

Vera Jacubowski 

INFLUÊNCIA

Gratulação

 

No torvelinho das aflições, fácil é para o homem esquecer-se das doações superiores com que o Senhor da Vida o aquinhoou.
Por qualquer insignificante problema, a contrariedade lhe tisna a lucidez, fazendo que blasfeme ou se desgaste em injustificável rebelião. Diz-se comumente que a vida não merece ser vivida, pois que somente decepções e lutas se amontoam por todo lado, em tôrva conspiração contra a paz.
E há tanta beleza e harmonia na Terra!
No entanto, acostumado às bênçãos, não as aquilata devidamente, reportando-se ao seu valor somente quando as circunstâncias o privam de qualquer uma dessas concessões.
Necessário é, portanto, sair um pouco do castelo do eu para examinar com lucidez a Casa do Pai Criador e valorizar os tesouros de que pode dispor, exaltando a glória do viver.
*
Se possuís visão, recorda os que a perderam. Se dispões da audição, pensa nos que não conseguem ouvir.
Se podes movimentar-te, evoca os limitados na paralisia.
Se desfrutas saúde, considera os padecentes das múltiplas enfermidades.
Se és aquinhoado com um lar, examina a situação dos desabrigados.
Se te fizeste pai ou mãe, tem em mente os que não lograram fruir tal aspiração.
Se reténs os valores transitórios, medita a respeito dos que nada possuem.
Mas se te escasseia esta ou aquela dádiva, tem paciência e espera.
Ninguém na Terra se encontra afortunadamente completo, como ninguém há que esteja em abandono total.
Aqueles que te parecem felizes, apenas parecem. E os que se te afiguram desgraçados, estão temporariamente resgatando dívidas, dirigidos por sábios desígnios.
Gratidão é rara moeda entre os homens. Habituados à ambição desenfreada, da vida somente desejam gozar, sem outra aspiração, aquela que conduz à plenitude permanente, a dos valôres imperecíveis.
*
Os problemas são frutos da inércia do próprio homem que, negligente, acumula dificuldades, por egoísmo, desaire ou precipitação.
A vida é um desafio que merece carinhoso esfôrço de coragem e significativa contribuição de trabalho.
Ser grato pela oportunidade de crescer, significa o mínimo que se pode responder a êsse empreendimento que é a reencarnação.
Todos rogam atingir novas metas, sem embargo não se fazem reconhecidos do Senhor pelos alvos lobrigados.
Gratidão, por isso, nas horas da agonia, como do testemunho, mediante a humildade ante as provações redentoras, necessárias.
Em qualquer situação em que te encontres, agradece a Deus, abençoando por meio da confiança no futuro as horas difíceis do presente.
Convidado diretamente ao desespêro, não olvides as alegrias fruídas, e, conduzido à rebeldia, recua na direção da paz já desfrutada.
Reconhecido ao Pai Amantíssimo, Jesus, mesmo perseguido, incompreendido, atormentado, permaneceu tranqüilo e fiel em confiança absoluta, como a expressar Sua sublime gratidão.
*
“Um deles, vendo-se curado, voltou, dando glória a Deus, em alta voz, o prostrou se com o rosto em terra aos pés de Jesus, agradecendo-lhe”. Lucas capítulo 17º, versículos 15 e 16.
*
“Todos os sofrimentos: misérias, decepções, dores físicas, perda de seres amados, encontram consolação em a fé no futuro, em a confiança na justiça de Deus, que o Cristo veio ensinar aos homens. Sôbre aquêle que, ao contrário, nada espera após esta vida, ou que simplesmente duvida, as aflições caem com todo o seu peso e nenhuma esperança lhes mitiga o amargor – Foi isso que levou Jesus a dizer: Vinde a mim todos vós que estais fatigados, que eu vos aliviarei”.

 

O Evangelho Segundo o Espiritismo – Capítulo 6º – Item 2.
FRANCO, Divaldo Pereira. Florações Evangélicas.
Pelo Espírito Joanna de Ângelis. LEAL. Capítulo 27.

mania

Comentários

Os comentários realizados nesse site não são armazenados em nosso banco de dados e podem ser excluídos diretamente na página da postagem.
*Note que para excluir o comentário será necessário encontrá-lo, clicar na caixa ao lado em seguida no botão excluir... Observando que só será possível excluir o comentário se o usuário estiver logado na mesma conta utilizada na hora que efetuou o comentário.

Política de Privacidade

Qualquer dúvida visite nossa Política de Privacidade: http://www.verdadeluz.com.br/politica-de-privacidade/