OÁSIS DA PAZ – A PROPOSTA DE JESUS

amo voce

 

P a z

Só encontramos o verdadeiro oásis de paz,
de onde alçaremos o voo para a ventura sem fim…
Quando vencermos os inimigos de nossa felicidade,
ou sejam: o egoísmo, o orgulho e a vaidade.
Vera Jacubowski

vera jacubowski assina

bom dia sol

A proposta do Cristo

Warwick Mota

Seria impossível mensurarmos a grandeza dos ensinamentos do Mestre Jesus, mas podemos afirmar que a Sua proposta é nortear o comportamento individual de cada um de nós, proporcionando- -nos ensinamentos que provocam profundas reflexões e ensejam orientações que despertam para o desenvolvimento espiritual.
Para lograr objetivos, a mensagem do Evangelho fundamenta- se em dois grandes aspectos: a autoridade moral e a autoridade espiritual. A primeira refere-se à exemplificação dos ensinamentos através dos atos; a segunda, interagente com a primeira, além de denotar a grandeza moral do Cristo, que transcende aos atos e palavras, faculta a modificação do ser, pelo envolvimento fluídico que provoca a Sua superioridade espiritual. A exemplo disso nos narra Lucas (19:1-10) a passagem de Jesus por Jericó:
‘‘E tendo Jesus entrado em Jericó, ele atravessava a cidade.
Havia lá um homem chamado Zaqueu, era rico e chefe dos publicanos. Ele procurava ver quem era Jesus, mas não o conseguia por causa da multidão, pois era de baixa estatura. Correu então à frente e subiu num sicômoro para ver Jesus que iria passar por ali. Quando Jesus chegou ao lugar, levantou os olhos e disse-lhe: ‘Zaqueu, desce depressa, pois hoje devo ficar em tua casa’. Ele desceu imediatamente e o recebeu com alegria. À vista do acontecido todos murmuravam, dizendo: ‘Foi hospedar-se na casa de um pecador!’ Zaqueu, de pé, disse ao Senhor: ‘Senhor, eis que dou a metade de meus bens aos pobres, e se defraudei alguém, restituo- -lhe o quádruplo’. Jesus lhe disse: ‘Hoje a salvação entrou nesta casa, porque ele também é um filho de Abraão. Com efeito, o Filho do homem veio procurar e salvar o que estava perdido’.’’
O diálogo, aparentemente simplista, revela grandes ensinamentos, por muitos ainda despercebidos, mas que destacam o ensinamento moral e o ensinamento espiritual. O fato de Zaqueu procurar uma melhor forma de ver Jesus revela predisposição à mudança dos atos, pois a simples presença do Rabi Galileu provocava profundas reflexões. Outro ponto indiscutível é que a mudança de Zaqueu já fazia parte dos objetivos do Mestre, tanto que, ao entrar em Jericó, percebe- o facilmente em cima de uma árvore ansioso por um olhar, ao que Jesus corresponde, demonstrando profundos conhecimentos de psicologia transpessoal: levanta o olhar e a ele se dirige dizendo: ‘‘Zaqueu, desce depressa, pois hoje devo ficar em tua casa’’.
O vocábulo casa, neste caso, adquire outra conotação, visto que vem antecedido de uma afirmativa verbal —- ‘‘pois hoje devo ficar em tua casa’’. Na frase, o verbo devo é aplicado no sentido de certeza e não de hipótese. Entendemos, com isso, que o Mestre se refere à casa mental de Zaqueu, pois a hospedagem que desejava Jesus não era apenas no lar físico, mas principalmente no seu coração, a fim de que este se modificasse. Convém ressaltar a imensa facilidade com que Jesus manipula os fluidos, pois subentende- se que ele altera a psicosfera pessoal de Zaqueu, permitindo que este compreenda a mensagem de natureza espiritual na sua perfeita essência. E ele a entende, como se Jesus a propusesse: ‘‘Desce depressa, pois hoje devo ficar em teu coração para sempre.’’
O envolvimento fluídico na questão é tão patente, que bastaram alguns momentos em contato com o Mestre para que se processassem profundas modificações morais em Zaqueu, não apenas pelo compromisso público de restituir quadruplamente (segundo a lei de Moisés), àqueles a quem prejudicou, mas por despertar nele o sentimento de caridade e desprendimento, levando-o a doar aos pobres metade dos bens que lhe pertenciam.
A autoridade espiritual de Jesus se faz presente, ao afirmar: ‘‘A salvação entrou nesta casa, porque ele também é filho de Abraão. Com efeito, o Filho do homem veio procurar e salvar o que estava perdido’’. Não obstante demonstrar claramente que conhecia as mazelas que marcavam o caminho espiritual de Zaqueu, percebia nos seus pensamentos a vontade de mudar. Se não fosse verdade estaria Jesus interferindo no livre-arbítrio daquele, modificando- o intimamente contra a sua vontade.
A receptividade de Zaqueu às sugestões fluídicas do Mestre modifica instantaneamente seu comportamento para com Deus, para com o próximo e para consigo mesmo, salvando aquela encarnação e por conseguinte reformando- -se pela conversão, através de atos e não de promessas.
É oportuno recordarmos que a passagem de Zaqueu é de grande alcance e importância na condução de nossas ações. Subir no sicômoro representa a predisposição para a mudança, que funciona como agente facilitador da reforma íntima, reforma esta que se constitui no preparo da morada de nossos corações, onde o Cristo com certeza pedirá pousada.

amar é doar-se

AS DIFICULDADES DO ESPÍRITO PERANTE À PROPOSTA DE JESUS

O ensino moral contido no Evangelho de Jesus constitui uma regra de proceder que abrange todas as circunstâncias da vida privada e da vida pública. É o principio básico de todas as relações sociais que se fundam na mais rigorosa justiça. O codificador da Doutrina Espírita complementa que é o roteiro infalível para a felicidade vindoura, o levantamento de uma ponta do véu que nos oculta a vida futura.
Mesmo advertidos e reconhecedores da importância dos ensinamentos evangélicos, aceitando-os e admirando-os de um modo geral, há quem apreenda a moral evangélica de forma passiva, confiando cegamente no que está escrito, sem compreendê-la, ou seja, sem basear-se na reflexão e no raciocínio lógico. São poucos os que a conhecem a fundo e menos ainda são os que a compreendem e sabem deduzir as conseqüências, aplicando-as no viver e nos atos do dia-a-dia.
O Mestre Lionês, conhecedor dessa limitação do homem, sabia que a razão dessa incompreensão se detém no fato de ater-se à sua forma alegórica. Torna-se ininteligível para o maior número de seus leitores, fazendo com que estes o leiam por desencargo de consciência ou por dever. Passam assim, despercebidos o que é mais importante, ou seja, os preceitos morais, os convites contidos para que esse homem, vivendo-os, se renove, fazendo para si uma verdadeira proposta de re-engenharia em seu ser.
O Evangelho Segundo o Espiritismo possui uma forma lógica, coerente, racional, tendo o cuidado de agrupar e classificar as máximas segundo as respectivas naturezas, de modo que decorressem uma das outras tanto quanto possível.
Podemos perceber isso pela forma como se estruturam as seqüências de capítulos e dos itens que os compõem. Os elementos necessários para a compreensão de um determinado tópico, por exemplo, foram preparados nos itens e capítulos anteriores, não se atendo a uma ordem cronológica, no que diz respeito às passagens da vida de Jesus, mas a esse encadeamento de raciocínio que visaram facilitar entendimento e clareza ao Espírito encarnado ou desencarnado.
O essencial desponta nos artigos e ensinamentos que estando ao alcance de todos, mediante a explicação das passagens obscuras e o desdobramento das conseqüências, permitem ao leitor compreensão dos ensinos de forma clara, objetiva e consequentemente sua aplicação nas diversas circunstâncias da vida.
A Doutrina Espírita interpreta o Evangelho sem figuras nem alegorias. Vem trazer esclarecimento e a consolação aos que sofrem, atribuindo causa justa e fim útil às dores.
Necessário se faz compreender as leis de amor, como um roteiro preciso, baseando na Moral de Jesus, no qual encontramos luz e entendimento para as dificuldades.
A vida é campo fecundo de experiências, que proporciona, através das situações diversas o burilar sentimentos. Somente na prática, nos relacionamentos afetivos de toda ordem, temos oportunidade de trabalhá-los e interiorizarmos as máximas evangélicas. Agindo conforme os preceitos morais, nas circunstâncias mais diferenciadas da vida, estaremos promovendo o desenvolvimento moral e amadurecendo como Espírito Imortal.
O Evangelho é sublime roteiro de luz para ser colocado em prática, no campo das relações, do contrário será simplesmente letra morta, de nada servindo a preciosidade de seu conteúdo se somente ficar no campo das ideias.
À medida que o Espírito amadurece intelectual e moralmente, baseado nos ensinamentos de luz que Cristo deixou, vai se sublimando e galgando sua evolução, rumo à perfeição.
Mocidade Espírita Batuira | Integração do Jovem no Centro Espírita | 01/09/2004
Samir Minto Braga / Elisabeth Maciel
Setembro / 2004
Bibliografia:
– Allan Kardec, O Evangelho Segundo o Espiritismo – Allan Kardec, Obras Póstumas

moça e barco

A PROPOSTA DE JESUS

A proposta de Jesus não é dar o peixe,
é ensinar a pescar.
A proposta de Jesus não é dar esmola,
é ensinar a trabalhar.
A proposta de Jesus não é resolver o problema,
é dar a as condições e capacidade de resolvê-lo
e ainda ensinar a não criar mais problemas.
A proposta de Jesus não é fazer um milagre em sua vida,
é te ensinar e te capacitar para que você
possa fazer da sua vida um milagre.
A proposta de Jesus não é te dar amigos,
é fazer de você o melhor amigo.
A proposta de Jesus não é te dar dinheiro,
é te ensinar a ser feliz com o que você tem.
A proposta de Jesus é te preencher para que:
você não precise procurar nos vícios
e na busca incessante de prazer a felicidade.
A proposta de Jesus é te ensinar a ser a paz.
A proposta de Jesus é te ensinar a ser Amor.
A proposta de Jesus é te religar a Deus e então juntos
com Jesus e Deus ser luz no mundo.

Sandro Simões

vida maravilhosa

 

DESPERTAR

 

”O sofrimento vem quando você não consegue parar de pensar no que foi ou no que vai ser.
Essa é a estratégia que a mente usa pra te controlar.
Seu papel é despertar e se colocar no Agora, confiando plenamente que esse momento é tudo o que você tem!”

 

Focodeluz

 

PERDOAR

É preciso perdoar, O que nem sempre é fácil.
As desavenças chegam, muitas vezes, a um ponto que palavras são usadas como chicotes deixando marcas que cavam sulcos profundos no corpo mental.
Mas em tudo é preciso renovação e o ódio além de prejudicar com suas vibrações quem nos ofende, envenena nosso sangue e traz mais estragos a nossa saúde.
Perdoe os outros, mas não se esqueça de perdoar-se também.
Fácil não é, mas com certeza, não é impossível.
Faça uma forcinha, comece já a perdoar.
Humberto C Paziam

Fracasso e Decepção

Procure não utilizar palavras que possam desestimular seus companheiros de jornada, para que o desanimo não se aproxime deles. Evite também passar o veneno do desalento de suas palavras, para aqueles que se encontram inseguros na jornada do aprendizado. Nunca permita que seu fracasso ou decepção, possam influir naqueles que ainda não estão aptos a ter discernimento próprio. Nunca envenene seus companheiros de jornada com desestímulo nem tão pouco esmorecimento. Procure passar sempre confiança e coragem a todos que estiverem ao seu redor, afim de que possam acreditar que podem conseguir o melhor.
Paz e luz!
Gotasdepaz

SONO E REPOUSO

Antes do repouso noturno, deixe as preocupações à margem.
O travesseiro não aconselha ninguém.
A noite bem repousada, os encontros espirituais durante a fase do sono, são os propiciadores da Inspiração que soluciona as questões em pendência.
Assim lê, uma pequena página de otimismo antes de dormir, a fim de que ela te estimule os centros do pensamento sadio.
Ora com íntima confiança em Deus.
Entrega-te em paz ao repouso.
Quando despertares, estarás renovado e, se retornares à Pátria Espiritual, enquanto o corpo dorme, terás melhor condição de compreender a seguir tranquilo Os Novos Rumos que a vida se concede.
Joanna De Ângelis-Psicografia de Divaldo Franco

Comentários

Os comentários realizados nesse site não são armazenados em nosso banco de dados e podem ser excluídos diretamente na página da postagem.
*Note que para excluir o comentário será necessário encontrá-lo, clicar na caixa ao lado em seguida no botão excluir... Observando que só será possível excluir o comentário se o usuário estiver logado na mesma conta utilizada na hora que efetuou o comentário.

Política de Privacidade

Qualquer dúvida visite nossa Política de Privacidade: http://www.verdadeluz.com.br/politica-de-privacidade/