ajude conversando

PRIVILÉGIOS CRISTÃOS – André Luiz

cristãos

PRIVILÉGIOS CRISTÃOS

1697465c0a5cc2

 

Manter suprema fidelidade a Deus.
Olvidar os próprios desejos, atendendo aos Superiores Desígnios.
Humilhar-se para que a mão do Senhor seja exaltada.
Conquistar a si mesmo.
Renunciar com alegria, em benefício dos outros.
Retirar lucros eternos de perdas temporárias.
Trabalhar na construção do Reino Divino.
Esperar quando outros desesperam.
Penetrar o templo do silêncio, em meio do vozerio.
Guardar a fé, acima da tormenta de dúvidas.
Calar a tempo, de modo a não ferir.
Falar com proveito.
Ouvir o Divino Amigo em plena solidão.
Servir sem recompensa.
Suportar com valor a própria cruz.
Sofrer, aprendendo e aproveitando.
Amar sem exigências.
Ajudar em segredo.
Semear com o Cristo, desapegando-nos dos resultados.
Encontrar irmãos em toda parte.
Cultivar o prazer de ser útil.
Discernir o justo valor das causas e das coisas.
Santificar o mal.
Amparar com sinceridade os que erram.
Perdoar quantas vezes for necessário.
Superar os obstáculos.
Conservar a jovialidade e a doçura.
Sustentar o bom ânimo.
Desprender-se dos enganos do mundo, antes que o mundo nos
desengane.
Perseverar no bem até ao fim.

 

AGENDA CRISTÃ
FRANCISCO CÂNDIDO XAVIER
DITADO PELO ESPÍRITO ANDRÉ LUIZ

 

serenidade

Privilégios cristãos

 

Edu Medeiros – Um Amigo do Bem
Muitas vezes, a tristeza e o desânimo, o mau momento ou o sofrimento, gerado por nós ou por nosso próximo, nos tiram a paz e a harmonia, fazem com que a gente vivencie momentos difíceis e sem alegria.
Porém, compreendermos de forma mais ampliada os desígnios divinos no bem e no mal que nos atinge, certamente fará com que penetre em nós o espírito amoroso e justo do Criador, sempre restaurador e belo, na certeza de que as coisas boas e as coisas “más” nos são concedidas sempre para nosso benefício e aprimoramento.
É imperioso que a gente entenda e aceite o porquê das lutas e dos sofrimentos, da razão das derrotas precoces e das vitórias tardias, a desafiar nosso ânimo até o limite das forças.
Grandes sacrifícios requerem grandes alternativas de entendimento, aceitação e solução dos problemas gerados, onde devemos sempre entender que o Criador nos fez para sermos felizes e nos deu as provações para que consigamos cumprir a meta de crescimento proposta por cada um de nós antes de reencarnar, onde a mediunidade, por exemplo, é um caminho mais duro, porém mais salutar, desde que seja empregada para o bem das pessoas e sem nada cobrar, afinal devemos dar que graça o que de graça recebemos. Ajudar o próximo ao levar a boa palavra que conduz à sensação de serenidade é uma excelente forma de caridade mediúnica, pois levar a “Boa Nova” a todos se converte em uma ferramenta que irá transformar os grandes problemas em soluções necessárias.
Grandes amigos espirituais, verdadeiros discípulos do Mestre Jesus, incansáveis e generosos, repetem-nos as lições, uma após outra, usando palavras diferentes para ensinamentos que significam fundamentalmente, sempre, “coragem, paciência e fé!”.
É assim que trago a mensagem “Privilégios Cristãos”, com o intuito de levar um pouco da palavra do divino amigo André Luiz através do incansável Chico Xavier contida no livro “Agenda Cristã”, Lançado pela FEB (Federação Espírita Brasileira):
“Manter suprema fidelidade a Deus.
Olvidar os próprios desejos atendendo aos Superiores Desígnios.
Humilhar-se para que a mão do Senhor seja exaltada.
Conquistar a si mesmo
Renunciar com alegria, em benefício dos outros.
Retirar lucros eternos de perdas temporárias.
Trabalhar na construção do Reino Divino.
Esperar quando outros desesperam.
Penetrar o templo do silêncio, em meio do vozerio.
Guardar a fé, acima da tormenta de dúvidas.
Calar a tempo, de modo a não ferir.
Falar com proveito.
Ouvir o Divino Amigo em plena solidão.
Servir sem recompensa.
Suportar com valor a própria cruz.
Sofrer, aprendendo e aproveitando.
Amar sem exigências.
Ajudar em segredo.
Semear com o Cristo, desapegando-nos dos resultados.
Encontrar irmãos em toda parte.
Cultivar o prazer de ser útil.
Discernir o justo valor das causas e das coisas.
Santificar o mal.
Amparar com sinceridade os que erram.
Perdoar quantas for necessário.
Superar os obstáculos.
Conservar a jovialidade e a doçura.
Sustentar o bom ânimo.
Despender-se dos enganos do mundo, antes que o mundo nos desengane.
Perseverar no bem até o fim.”
Edu Medeiros

vida abundante andré luiz

Comentários

Os comentários realizados nesse site não são armazenados em nosso banco de dados e podem ser excluídos diretamente na página da postagem.
*Note que para excluir o comentário será necessário encontrá-lo, clicar na caixa ao lado em seguida no botão excluir... Observando que só será possível excluir o comentário se o usuário estiver logado na mesma conta utilizada na hora que efetuou o comentário.

Política de Privacidade

Qualquer dúvida visite nossa Política de Privacidade: http://www.verdadeluz.com.br/politica-de-privacidade/