A alma gêmea busca encontrar alguém

320599

A ALMA GÊMEA

A alma gêmea busca encontrar alguém disposto a servir e a compartilhar nas necessidades, sem pensar-se na retribuição e nos cuidados que esperar receber.

Vera Jacubowski

compromisso

A visão espírita das almas gêmeas

Encontrar um grande amor e ser feliz para sempre é o sonho de muitas pessoas. Muitos passam a vida idealizando sua cara metade; outros, quando se apaixonam, logo acreditam ter encontrado a pessoa ideal, até o momento em que surgem os problemas e as decepções. Como consequência, a desilusão parece desmoronar o castelo construído, como esculturas na areia.
Mas a grande dúvida permanece: nossa alma gêmea realmente existe, ou será apenas um sonho, fruto da imaginação dos mais românticos?
A crença na alma gêmea vem desde a antiguidade. Uma lenda conta que, Deus, no processo de criação do mundo, uniu homens e mulheres em um só corpo (a Bíblia diz que a mulher foi criada a partir da costela de Adão), mas após a queda do Paraíso os seres humanos teriam se distanciado do Criador. Assim, a união foi interrompida, dando origem ao sexo oposto. Desde então, homem e mulher passaram a buscar sua outra metade para se sentirem plenos novamente.
A explicação bíblica é mitológica e está carregada de informações profundas, que se não forem corretamente interpretadas podem dar a ideia de algo fantasioso.
Na psicologia junguiana, que leva em conta a linguagem simbólica, o termo alma gêmea simboliza o arquétipo da afetividade. Alguns psicólogos explicam que, com o tempo, os conceitos evoluíram e o príncipe encantado que chegaria montado em um cavalo branco foi substituído por uma pessoa que se identifique com os ideais do outro, a chamada cara metade ou o companheiro ideal.
Já a ficção alimenta a fantasia das pessoas e, muitas vezes, foge da realidade. Portanto, precisamos ficar atentos para a mensagem que está sendo passada ao público sobre certos conceitos.
O Espiritismo esclarece que não existem dois espíritos criados um exclusivamente para o outro, mas que podem ter em comum os mesmos interesses e afinidades. O espírito imortal poderá encontrar em sua trajetória evolutiva muitos espíritos afins. Essa busca pelo grande amor significa a aspiração da alma pela felicidade completa.
A pergunta 386 de O Livro dos Espíritos explica que duas pessoas que se conheceram e se estimaram em vidas anteriores não se reconhecem, como muitos acreditam; apenas se sentem atraídos um para o outro. Isso acontece porque as recordações das existências passadas trariam grandes inconvenientes; mas é claro que existem raras exceções.
Essas questões nos levam a uma reflexão: como aprender a conviver e aceitar as diferenças, mesmo quando há uma grande afinidade entre os espíritos afins, afinal, cada qual trilha um caminho na jornada evolutiva.

Victor Rebelo

a porta

ALMA GÊMEA NO ESPIRITISMO EXISTE MESMO?

Quando estamos bem em um relacionamento, o nosso parceiro parece que nos completa, que foi feito para nos fazer feliz. Costumamos pensar: encontrei a minha alma gêmea. Quando os problemas começam a aparecer, o que é normal em todo e qualquer casal, esse ideal de “metade da laranja” cai por terra. Será que não existem mesmo almas gêmeas?
Para o Espiritismo, não existem duas almas que tenham sido criadas por Deus exclusivamente uma para outra. O que acontece é existirem duas pessoas com interesses em comum, tanto na vida, quanto no amor. Por isso, a afinidade é tão grande que faz com que elas desejem estar juntas para sempre. Ou pelo menos, a intenção é essa. Mas isso não significa que eles são feitos um para o outro, as diferenças sempre vão existir, não existe um casal perfeito.

PARA O ESPIRITISMO, EXISTEM ALMAS AFINS

Existem almas afins, aquelas que buscam a felicidade pelo mesmo caminho e por isso combinam tão bem com pessoas que têm pensamentos semelhantes. O Espiritismo fala também da presença de espíritos mortais, que durante toda a sua trajetória evolutiva, deve encontrar vários amores em várias vidas. Você pode ter encontrado um grande amor nesta vida, uma alma afim, e talvez na sua próxima encarnação nem chegar a conhecê-lo.

O ENCONTRO DE ALMAS AFINS EM OUTRAS VIDAS

Por mais que não exista, para o Espiritismo, almas predestinadas a ficarem juntas, duas almas que tiveram uma relação de amor intenso em uma vida podem sentir-se atraídas nas próximas encarnações. Ao se encontrar, uma atração muito forte (e inexplicável) pode aparecer entre essas duas almas, elas compartilham das mesmas afinidades que as fizeram ficar juntas em vidas passadas, mas nem sempre ficam juntas novamente.
Leia também: Feitiço de amor cigano para encontrar sua alma gêmea

ENTÃO NÃO EXISTE PREDESTINAÇÃO NA DOUTRINA ESPÍRITA?

Predestinação em ficar juntos como um casal, não. O que existe são almas que por terem muita simpatia, afinidade e afeto uma pela outra, podem se unir para viver juntos nessa vida, evoluírem juntos na caminhada pela terra. Não precisa exatamente ser um casal, podem ser almas afins que decidem ficar juntas sem razões românticas. Assim como almas que formaram casais românticos em outras vidas podem se encontrar e seguir a trajetória na terra como amigos, parentes ou colegas de trabalho, por exemplo. Nas trajetórias de desencarnação e encarnação, muitos fatores entram em jogo. Mas a história dessas almas pode ficar interligada por uma relação muito forte vivida no passado e tenderem a caminhar pelo mesmo destino.

A PROGRAMAÇÃO DOS ENCONTROS DE ALMAS

O encontro de almas afins depende da programação traçada por cada um que ocorre antes de reencarnar. Segundo o Espiritismo, antes de voltar à Terra, cada espírito faz um plano em que define o caminho evolutivo, e neste plano é lançada a possibilidade de encontrar ou não almas afins de vidas passadas. Caso este encontro esteja programado, ele certamente irá acontecer em algum momento da vida. Não quer dizer que irão se encontrar, e logo ficarem juntos para sempre, não é bem assim. As vezes as almas se encontram, se reconhecem e depois se perdem novamente, cada um segue o seu caminho. Existe também a possibilidade de duas almas afins de vidas passadas se encontrarem por acaso, sem que tenha sido traçado o encontro no seu plano evolutivo, pelas voltas que vida dá na Terra. O encontro de almas afins não é facilmente reconhecível, é preciso ter uma sensibilidade aguçada para perceber isso, e normalmente estes encontros não são marcados por um mar de rosa. Eles geram um aprendizado intenso, uma conexão com outras vidas, com o que está além da nossa existência – e infelizmente nem todo mundo está espiritualmente preparado para isso.
Leia também: Sonhos com a alma gêmea – destino ou fantasia?

ALMAS GÊMEAS NO LIVRO DE EMMANUEL

No livro “Consolador” do guia espiritual de Chico Xavier, Emmanuel trata do conceito de almas gêmeas. Segundo ele, a expressão refere-se a duas almas ligadas pelo amor, pela simpatia e pela afinidade. Não são duas metades, não são pessoas que necessitam uma da outra para formar um inteiro. São duas almas que suas individualidades completas se assemelham e por isso atraem-se mutuamente e tendem a querer caminhar juntas. No Livro dos Espíritos, na questão 301, diz “A simpatia que atrai um Espírito para o outro resulta da perfeita concordância de seus pendores e instintos”, confirmando a visão de Emmanuel sobre a alma gêmea no espiritismo.

O QUE A PSICOLOGIA DIZ SOBRE A ALMA GÊMEA NO ESPIRITISMO?

Na psicologia, a expressão alma gêmea tem descrédito, pois os psicólogos acreditam que é apenas uma versão adulta do “príncipe encantado” ou da “princesa perfeita”. Como esta ciência analisa a mente humana e não a alma, não credita a atração entre pessoas como a relação pré-existente em vidas passadas.

Comentários

Os comentários realizados nesse site não são armazenados em nosso banco de dados e podem ser excluídos diretamente na página da postagem.
*Note que para excluir o comentário será necessário encontrá-lo, clicar na caixa ao lado em seguida no botão excluir... Observando que só será possível excluir o comentário se o usuário estiver logado na mesma conta utilizada na hora que efetuou o comentário.

Política de Privacidade

Qualquer dúvida visite nossa Política de Privacidade: http://www.verdadeluz.com.br/politica-de-privacidade/